domingo, 10 de abril de 2011

"Labirinto" - César Menotti & Fabiano



Sonhos, planos, tudo aquilo que vivemos se perdeu.
Choro, choro, vou ficar com as lembranças que a gente viveu.
Deixa do jeito que tá, não quero explicação.
Pode ir embora eu seguro essa separação.
Deixa do jeito que tá que eu me viro sozinho.
Eu vou tentar te esquecer achar outro caminho.
Sei que não é fácil esquecer o amor de uma vida.
Nesse labirinto, solidão parece não ter saída.
Sonhos, planos, tudo aquilo que vivemos se perdeu .
Choro, choro, vou ficar com as lembranças que a gente viveu.
Foi tão lindo.
Foi tão bom.

Nenhum comentário:

Postar um comentário