sábado, 8 de agosto de 2009

Eu te amei

Rafael Deleon

Eu te amei

Valdemar Ferreira de Morais


Na vida eu te amei

E eu sei porque digo assim;

Se não fosse o que eu sinto,

Juro, falo e não minto,

Que já teria chegado ao fim.

Este amor que não se mede,

Um amor que nasceu da vida,

Brotou de uma fonte pura

Sem mágoa, dor e amargura

E nunca fez uma despedida.

Você me fez viver e respirar

Um amor que o mundo não conhece;

O quanto eu dormi e sonhei contigo.

Eu sentia você comigo;

Doce lembrança que o meu peito aquece.

Pequenina dos meus amores

Que fez meu peito borbulhar

Nas noites claras e enluaradas

No alvorecer ou nas madrugadas;

A minha loucura era te amar.

Você será os meus dias,

Minhas ilusões e meu viver

Trar-te-ei guardada na alma,

Num lugar onde há muita calma,

E eternamente te verei adormecer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário