quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Talvez

Rafael Deleon

Talvez

Autor desconhecido


Talvez tenha sido por um olhar.

Talvez por um sorriso.

Talvez tenha sido por aquelas palavras.

Ou talvez aquele instante contigo.

Talvez um dia estaremos juntos e tudo será esquecido.

Talvez possam existir outros momentos.

E aí, quem sabe, nem tudo estará perdido.

a vida intensifica-se quando sorris.

Porque no teu sorriso cabe o mundo,

E ninguém sabe o que ele diz,

Quando me resgatas do meu refugio escuro(embora sem saberes).

Gosto da musica das tuas gargalhadas,

Do carinho disfarçado em publico.

Da tua seriedade.

Das tuas palhaçadas.

Da luz que me trazes quando a noite chega.

Gosto de ti, quando tu és tu!

Porque não te encontro em mais ninguém...

Nenhum comentário:

Postar um comentário